Aumenta o número de procedimentos estéticos; campanha reforça a importância de as pessoas procurarem o profissional mais habilitado

Imagem retirada de http://www.ivoneduarte.med.br/wp-content/uploads/2014/02/sbcp.jpg
Imagem retirada de http://www.ivoneduarte.med.br/wp-content/uploads/2014/02/sbcp.jpg

O Brasil é o segundo país do mundo em número de cirurgias plásticas, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. Realiza 1,5 milhões de procedimentos ao ano. A proximidade do inverno eleva em até 60% o número desses procedimentos porque, entre outros motivos, o período favorece o pós-operatório. As férias escolares, que permitem um maior aproveitamento no tempo de recuperação dos pacientes que têm filhos na escola e/ou estudam, são outras razões pelas quais o inverno é mais escolhido pelos pacientes para se submeterem a uma plástica.

Aumento de mama, lipoaspiração e abdominoplastia são os procedimentos mais procurados (entre as estéticas no sexo feminino). Tumores vêm em primeiro lugar (entre as reparadoras). Pesquisas recentes mostram que os homens vêm deixando de lado os tabus e com frequência cada vez maior também passam a recorrer à plástica por questões estéticas.

Apesar dos números expressivos, o país não consta entre os primeiros onde as pessoas procuram realizar uma plástica com profissionais experientes. Colocam a sua saúde e a sua vida em risco, acreditando em "falsos milagres" e em promoções ilusórias, feitas por pessoas sem experiência e o devido preparo.

Por isso, a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - Regional Paraná (SBCP-PR), acaba de lançar a campanha "Cirurgia Plástica é com Cirurgião Plástico". A ofensiva já pode ser visualizada nas redes sociais e nas ruas de Curitiba, de Londrina e Maringá. Painéis eletrônicos e outdoors estão espalhados em pontos estratégicos e com bom fluxo de público dessas cidades. O objetivo é o de incentivar as pessoas a procurarem informações detalhadas a respeito do profissional com quem pretendem se consultar.

Segundo o presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - Regional Paraná, Dr. Renato Freitas, é preciso ficar atento aos riscos de um procedimento cirúrgico e seguir todas as recomendações. A primeira é procurar um cirurgião plástico, membro da SPCP. No Paraná, essa busca pode ser feira pelo site da entidade - www.sbcp-pr.org.br; ou no portal do CRM-PR - www.crmpr.org.br. Em seguida, esgotar com ele todas as dúvidas sobre os procedimentos pré e pós-operatório, fazer um exame rigoroso cardiológico e marcar uma entrevista com o anestesista, que vai realizar a operação.

Pergunte ao seu cirurgião
Sou mesmo candidato à cirurgia plástica?
Estou na faixa etária adequada para realizar uma plástica?
O Sr. pode falar sobre a sua experiência cirúrgica?
Pertence aos quadros da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica?
As instalações aonde realizarei o procedimento são seguras?
Quais cuidados devo tomar em todas as fases da cirurgia?

Procedimentos mais requisitados
Entre as mulheres: lipoaspiração, lifting facial e pálpebras
Entre os homens: correção das orelhas em abano (na infância até a juventude); correção das mamas (entre os 20 e 30 anos); lipoaspiração, lipoescultura e implantes capilares (entre os 30 a 40 anos); Blefaroplastia (50 a 60 anos); lifting (a partir dos 60 anos).

fonte: Terra

TIRE SUAS DÚVIDAS

Fone: 16 3632-5534

Whatsapp: 16 9 9797-4006 - para agendar consulta

WhatsApp: 16 9 9605-4085 - para tirar dúvidas

Whatsapp