Cirurgias plásticas em adolescentes crescem 141% em 10 anos

Imagem retirada de https://www.metropoles.com/vida-e-estilo/bem-estar/cirurgias-plasticas-em-adolescentes-crescem-141-em-10-anos
Imagem retirada de https://www.metropoles.com/vida-e-estilo/bem-estar/cirurgias-plasticas-em-adolescentes-crescem-141-em-10-anos

Fase de transformações, a adolescência é marcada por inúmeras mudanças físicas e psicológicas. Na busca pelo corpo (ou rosto) ideal, jovens estão recorrendo às cirurgias plásticas com uma frequência esmagadoramente maior do que no passado. Nos últimos 10 anos, houve aumento de 141% no número de procedimentos no público com idade entre 13 e 18 anos, de acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP). O país é líder nesse tipo de intervenção em todo o mundo.

Em parte, esse crescimento tem influência das redes sociais, como o Instagram. Hoje, mais do que mirar na estrela da tevê, há quem busque parecer com uma “versão melhorada de si mesma”. Para tal, recorrem aos filtros disponibilizados pela plataforma, que vendem uma beleza perfeita – e irreal.

A cirurgia mais procurada por adolescentes é a rinoplastia, intervenção cirúrgica para remodelar o nariz. Apenas em 2017, foram contabilizados 70.800 procedimentos. O implante de silicone fica em segundo lugar, nas contas da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (Isaps).

Especialistas, no entanto, divergem quanto à idade ideal para se render ao bisturi. Há quem ache que, aos 14 anos, por exemplo, as escolhas possam ser influenciadas por pressão externa ou, até mesmo, falta de maturidade emocional.

O cirurgião plástico Eduardo Mello recomenda esperar até os 16 anos para realizar os procedimentos estéticos. O médico defende que o paciente deve se submeter ao centro cirúrgico somente quando o desenvolvimento da região que deseja modificar estiver completo.

“Os pacientes buscam na rinoplastia uma autoafirmação, assim como o implante de silicone”, pontua.

fonte: Metrópoles

TIRE SUAS DÚVIDAS

Whatsapp: (16) 9 9797-4006 - para agendar consulta

(16) 9 9369-4995 - para tirar dúvidas

Whatsapp