Descubra quais são as 5 cirurgias plásticas mais procuradas pelos homens no Brasil

Imagem retirada de https://www.folhavitoria.com.br/saude/noticia/11/2019/descubra-quais-sao-as-5-cirurgias-plasticas-mais-procuradas-pelos-homens-no-brasil
Imagem retirada de https://www.folhavitoria.com.br/saude/noticia/11/2019/descubra-quais-sao-as-5-cirurgias-plasticas-mais-procuradas-pelos-homens-no-brasil

As intervenções estéticas têm deixado de se atrelar somente às mulheres e, dia após dia, se tornado popular entre o sexo masculino. Os avanços da sociedade têm estimulado os homens a abandonar aquele velho estereótipo de que "homem não se cuida". Dessa forma o número de procedimentos entre a população masculina vem crescendo e hoje eles já representam 13% do total de pacientes operados.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), em cinco anos, a presença de homens em consultórios quadruplicou, passando de 72 mil para 276 mil ao ano, uma média de 31,5 procedimentos por hora. “Atendo muitos no meu consultório. As alternativas que eles mais procuram, geralmente, são rinoplastia e redução de pálpebra”, revela o cirurgião plástico Dr. Bruno Luitgards.

A popularização da estética acabou mudando o hábito masculino. Muitos deixaram o preconceito de lado e diminuíram a resistência, passando a cuidar mais da própria aparência para elevar a autoestima. Mesmo assim, ainda há muito que avançar. “Os pacientes que chegam ao meu consultório não apresentam resistência, a maioria já passou dessa fase. Porém alguns amigos e colegas acham que não é importante procurar um especialista, inclusive tentam influenciar as esposas e namoradas”, conta Luitgards.

Saiba quais são as mais procuradas
1- Blefaroplastia
Com 292.707 homens operados em todo o mundo, segundo dados da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica (ISAPS), a blefaroplastia é a alternativa mais buscada pela população masculina para melhorar a aparência da região dos olhos. “Realizamos o tratamento do excesso de pele nas pálpebras e das bolsas de gordura, retirando o aspecto de cansaço muitas vezes presente. Assim, acaba conferindo ao paciente um ar mais descansado”, explica o diretor do Instituto Luitgards

2- Ginecomastia
A ginecomastia consiste no aumento das glândulas mamárias no homem, o que confere um aspecto feminino ao peitoral masculino. Muitos homens sofrem com o problema, por isso, a cirurgia para reparar este problema é o segundo procedimento estético mais procurado, ao todo, no mundo, 243.272 indivíduos fizeram a correção.

3- Lipoaspiração
A Lipoaspiração, famosa entre as mulheres é também a terceira plástica mais realizada pelo sexo oposto, com 237.201 procedimentos executados. Esta técnica é utilizada para melhorar o contorno do corpo e tratar as gorduras localizadas. “Hoje temos ainda a lipoaspiração HD, em que esculpimos no corpo as linhas de definição muscular, deixando o paciente com uma aparência mais atlética, em vez de apenas retirar a gordura. Assim, se torna ainda mais atrativo para os que desejam definir a barriga, braços e dorso.”, indica Dr. Luitgards.

“É importante lembrar que a lipoaspiração nos homens tem objetivos diferentes em relação as mulheres, sendo indicado manter ombros e tórax mais largos e uma cintura menos marcada, com a área do quadril mais estreita. Assim, é essencial buscar um cirurgião plástico com experiência em lipoaspiração masculina”, adverte o cirurgião plástico Dr. Bruno Luitgards.

4- Rinoplastia
O quarto procedimento mais buscado pelos homens é a rinoplastia, com 222.400 operações efetuadas. O tratamento modifica a estética do nariz para deixá-lo mais harmônico com o rosto, melhorando a respiração. “Os pacientes em questão desejam manter a naturalidade do rosto. Por isso também é essencial buscar um cirurgião plástico especialista em rinoplastia, que poderá operar sem feminizar o rosto”, alerta o cirurgião plástico.

5- Otoplastia
A otoplastia é a correção das orelhas em abano, e ocupa a quinta colocação no ranking mundial de operações feitas no mundo. Segundo a ISAPS, 114.915 homens foram operados. A otoplastia pode ser realizada a partir dos sete anos de idade, até a idade adulta para pacientes que não operaram na infância. “O objetivo é deixar a orelha mais colada na cabeça e corrigir deformidades do formato da orelha, deixando-a mais discreta e tornando o rosto mais harmônico”, diz Dr. Luitgards.

fonte: Folha Vitória

TIRE SUAS DÚVIDAS

Whatsapp: (16) 9 9797-4006 - para agendar consulta

(16) 9 9369-4995 - para tirar dúvidas

Whatsapp