Redes sociais influenciam mulheres para cirurgia plástica, diz pesquisa

Imagem retirada de https://www.tecmundo.com.br/ciencia/143392-redes-sociais-influenciam-mulheres-hora-plastica-diz-pesquisa.htm
Imagem retirada de https://www.tecmundo.com.br/ciencia/143392-redes-sociais-influenciam-mulheres-hora-plastica-diz-pesquisa.htm

Filtros como os do Instagram e Snapchat nos dão uma ideia aproximada de como ficaríamos com olhos menores, lábios mais finos ou mais grossos ou com uma "melhoradinha" no nariz. Ao que tudo indica, essa facilidade tem deixado as mulheres mais tranquilas e com maior aceitação na hora de encarar o bisturi do cirurgião plástico.

Uma pesquisa realizada recentemente, conduzida por um grupo de pesquisadores da Universidade John Hopkins, nos EUA, envolveu 252 mulheres brancas com idade média de 25 anos. Os resultados apontaram que, dentro desse grupo mais propenso às cirurgias, o comportamento e a visão das pessoas têm influência dos aplicativos de fotos e mídias sociais. Foi possível até identificar usuários de quais apps têm maiores chances de encarar a faca: Tinder, YouTube e Snapchat.

Os usuários que apresentaram baixa pontuação na autoestima são os que mais usam WhatsApp e apps e softwares de edição, como Photoshop e YouTube. Segundo os pesquisadores, os dados levantados por esse estudo podem ajudar a entender melhor e a aumentar o nível de comunicação e compreensão por parte de cada paciente que busca uma cirurgia plástica, bem como o que esperar dos resultados — afinal, o efeito da cirurgia pode ser bem diferente daquele mostrado no aplicativo.

Problemas sérios de saúde
Indo um pouco mais fundo nessa questão, vez ou outra surgem alertas por parte de especialistas em saúde sobre os jovens mais afetados pelas mídias sociais tenderem a ficar extremamente deprimidos, já que nem sempre a perfeição vista existe realmente.

Renee Engeln, professora de psicologia na Northwestern University, chama atenção para o fato de que é um grave problema perder a perspectiva sobre como a pessoa realmente parece. Ela alerta, ainda, que esse problema não é muito comentado: "Não é suficiente ter que se comparar a essas imagens aperfeiçoadas de modelos, mas agora você tem essa comparação diária do seu eu real com esse falso eu, intencional ou não, que você apresenta na mídia social".

fonte: Tecmundo

TIRE SUAS DÚVIDAS

Fone: 16 3632-5534

Whatsapp: 16 9 9797-4006 - para agendar consulta

WhatsApp: 16 9 9605-4085 - para tirar dúvidas

Whatsapp